Comunicada de Imprensa

comunicato | Madrid, 05 Abril 2017

Apresentada na Embaixada da Itália em Madrid Engineering Ingegneria Informatica Spain

Uma oportunidade de confronto sobre "A transformação digital orientada ao mercado Energy & Utilities: o futuro do setor".

O Palácio dos Marqueses de Amboage, sede da Embaixada da Itália em Madrid, hospedou hoje um evento organizado pela Engineering para apresentar oficialmente Engineering Ingegneria Informatica Spain, a nova subsidiária do Grupo para o mercado Energy & Utilities espanhol.

Engineering teve um papel fundamental no longo e contínuo processo de transformação do mercado Energy & Utilities italiano, suportando empresas na implementação das soluções IT com uma abordagem proativa e colocando à disposição sua capacidade de conjugar tecnologia e conhecimento do business. Engineering Spain será a empresa com a qual Engineering poderá ajudar as empresas espanholas a realizar a transformação digital em curso.

Esta oportunidade portanto levou os maiores atores do mercado a confrontar-se sobre o tema "A Transformação Digital orientada ao mercado Energy & Utilities: o futuro do setor".

Após a saudação do Embaixador Stefano Sannino, intervieram Michele Cinaglia, Presidente de Engineering, e Vincenzo Tartuferi, CEO de Engineering Ingegneria Informatica Spain.
A seguir a mesa redonda "Riscos e oportunidades da Transformação Digital no setor E&U" com os representantes de algumas das principais empresas espanholas do setor, moderada por Jaime Garcia Cantero, analista e diretor dos conteúdos de El País Retina.

A inteira Value Chain do mercado Utilities é o fermento para a Digital Transformation, e as novas tecnologias como Cloud, Big Data, Inteligência artificial, IOT e Mobile representam seus fatores habilitantes. Muitas vezes a verdadeira transformação consiste em imaginar modelos organizativos e de business diferentes dos atuais” - declarou Vincenzo Tartuferi, CEO de Engineering Spain - “E este é o valor que Engineering Spain deseja oferecer: ideias, experiências e soluções concretas, mas também a capacidade de olhar para frente e imaginar o futuro. Porque chegou o momento de fazer escolhas corajosas, ser visionários e não ter medo de experimentar. E na transformação digital os primeiros conquistam posições dificilmente alcançáveis por quem está no encalço.